Governo parece querer abafar o número de mortes por coronavírus e proíbe câmaras de divulgarem números

O Governo proibiu as câmaras de divulgarem os dados da evolução epidemiológica local da pandemia da covid-19. A Câmara Municipal de Espinho está contra e diz que vai desrespeitar a ordem.

Curiosamente os dados locais têm sido mais fiáveis que os da Direção-Geral da Saúde (DGS), por exemplo, em Espinho, a protecção civil local dava conta de 48 casos e a DGS anunciou apenas 37.

Joaquim Pinto Moreira, já avisou, “Comissão Municipal de Espinho não abdicará desse direito [de divulgação dos dados locais] e dá conta pública da sua estupefação, indo naturalmente interpelar o Ministério da Saúde e o Ministério da Administração Interna sobre este assunto“.

É totalmente contra a decisão do Governo, e “assume particular gravidade quando se trata de vedar informação imprescindível à própria Autoridade de Proteção Civil territorialmente competente“.

Ainda referiu que “É, portanto, impensável que a Autoridade de Saúde Local se abstenha de disponibilizar a informação mais apurada que possui, remetendo as autoridades de proteção civil municipais para um boletim que diariamente é disponibilizado à população, mas que contém apenas dados parciais, altamente discrepantes com a realidade que nos era dada a conhecer e que partilhávamos diariamente”.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

Acabe com a queda de cabelo (calvice) com este tratamento natural

Polícia leva compras a casa de idoso que não tinha dinheiro para comer