Todos os funcionários do Pingo Doce vão receber prémio de 500€

A Jerónimo Martins vai entregar 10 milhões de euros em prémios a 21 mil funcionários do grupo em Portugal. O prémio é referente ao desempenho do grupo dono do Recheio e do Pingo Doce o ano passado. Cada funcionário recebe 500 euros, uma subida de 5% face a 2018.

Segundo o jornal Dinheiro Vivo, o prémio extraordinário anual, referente ao desempenho colectivo em 2019, é atribuído a 71.500 colaboradores do grupo, nos três países onde a Jerónimo Martins está presente, recebendo cada um dos colaboradores elegíveis 500 euros, o mesmo valor em Portugal, Polónia ou Colômbia. O grupo emprega 115 mil colaboradores.

Em Portugal, 80% dos colaboradores elegíveis vão receber o prémio, num total de quase 21 mil pessoas, o que representa um investimento de cerca 10 milhões de euros, informa a Jerónimo Martins.

O Conselho de Administração de Jerónimo Martins aprovou a proposta do seu Presidente, Pedro Soares dos Santos, no sentido de aumentar o valor deste prémio em cerca de 5% face ao ano anterior. Esta percentagem é superior à do crescimento das vendas das companhias em Portugal, que registaram, em 2019, uma subida de cerca de 3% face a 2018”, destaca o grupo.

O Grupo Jerónimo Martins emprega mais de 115 mil colaboradores, 30% dos quais em Portugal onde, no ano passado, criou cerca de 1.300 postos de trabalho.

“Este prémio, pago em Portugal pelo 14º ano consecutivo, acumula com a remuneração variável mensal em vigor e com os vários programas e acções de apoio aos colaboradores nas dimensões da saúde, da educação e do bem-estar familiar, nas quais, em 2019, o Grupo investiu, só no nosso país, mais de 3,6 milhões de euros.”

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

Braga colocou Arco-íris gigante a iluminar a cidade

Mulher arranja técnica infalível de afugentar pessoas que estavam rua a desrespeitar o distanciamento social